sábado, 27 de agosto de 2016

Relançamento - "Dora" - Bianca Pinheiro - Editora Mino


O álbum Dora, da quadrinhista Bianca Pinheiro, volta a ser publicado em setembro, desta vez pela Editora Mino. Lançada originalmente em 2014, de forma independente, a trama é dividida em dez capítulos e acompanha, em flashbacks, a infância da protagonista.
Segundo a mãe de Dora, na maternidade sua filha já expressava em seus olhos uma certeza que a acompanharia por toda a vida: “Ela nos olhava como se soubesse que precisava fugir”. Os anos passaram, Dora sumiu e agora a mãe da garota precisa justificar a um detetive as 15 mortes atribuídas à filha. Os leitores são apresentados à sua dificuldade de se relacionar com os colegas na escola, o medo que os vizinhos sentem dela e os vários incidentes que culminam nos eventos trágicos investigados pela polícia.
A nova versão de Dora custará R$ 37,00, tem formato 15,5 x 23 cm, 128 páginas e nova capa com ilustração de Bianca Pinheiro.
Leia aqui o review publicado no Universo HQ da versão independente do álbum.
Este é o terceiro lançamento confirmado de um trabalho de Bianca Pinheiro, que acontecerão simultaneamente por editoras diferentes. Os outros dois são Mônica – Força (Panini Comics) e Bear – Volume 3 (Nemo). Fonte: UHQ. EMT - Divulgação

sexta-feira, 26 de agosto de 2016

Lançamento - Jou Ventania nº5 - Brasil Comics


Enquanto Augusto precisa definir seus relacionamentos com Thaís, um novo criminoso fantasiado surge na cidade, inspirado nas ações terroristas do Enigma, o Trapaça.
Dê mais um passo na sombria história de Jou Ventania, chegando na metade da primeira fase.

Peça a sua em:

 SERVIÇO:
Verdade ou Consequência - Roteiro: Lincoln Nery
Arte: Pedro Lucas - Cores de Capa: Johnny Fonseca
Publicação: Brasil Comics
Capa colorida - Miolo preto e branco
Formato - 15,0 x 21,0 - 24 páginas.

Bienal do Livro de São Paulo - Lançamento - Mineirão & Zé Bonfimserá - Marcos Araújo e Al Stefano

Criado em 1987, por Marcos Araújo e Al Stefano, o primeiro álbum da série As aventuras coloniais de Mineirão & Zé Bonfim será lançado durante a 24ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo, pela Editora Sesi-SP. A obra foi contemplada pelo ProAC – Programa de Ação Cultural, da Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo.
A história do primeiro álbum, intitulado Entre feijoadas, goiabadas e inconfidentes, se passa na Vila Rica do Século 17, atual Ouro Preto, quando um faiscador (minerador independente) glutão e estabanado, conhecido como Mineirão, e seu amigo Zé Bonfim, que é um ex-escravo e também faiscador, se envolvem em uma confusão e começam uma aventura em busca de duas iguarias tipicamente brasileiras: a goiabada e a feijoada. A partir daí, os caminhos da dupla cruzam com o dos inconfidentes mineiros.
Figuras como Tiradentes, Tomás Antônio Gonzaga, Aleijadinho, Visconde de Barbacena e outros, de repente, encontram-se metidos numa bagunça sem tamanho, que mistura culinária, gulodice, movimentos pró independência e conspirações contra a Coroa portuguesa.
Segundo Marcos Araújo, “a inspiração veio da apreciação pela rica História do Brasil, sua fauna, flora, folclore e costumes que construíram essa nação. A proposta era fazer os personagens cruzarem com figuras históricas sem abrir mão do roteiro original, ou seja, uma HQ para entreter, com roteiro fechado a cada volume, num período colonial específico”.
Confira outras informações sobre a obra no Facebook. Fonte: UHQ. EMT - Divulgação

Bienal do Livro de São Paulo - Lançamentos MSP - Panini Comics

Começa amanhã, dia 26 de agosto, a Bienal Internacional do Livro de São Paulo. Apesar de não ser um evento dedicado exclusivamente ao público de quadrinhos, vários lançamentos estão programados. Dentre eles, o destaque fica por conta de duas publicações da Mauricio de Sousa Produções, pela Panini Comics.
Encerrando as comemorações dos 80 anos de um dos maiores ícones dos quadrinhos nacionais,Memórias do Mauricio (formato 19 x 27,5 cm, 212 páginas, capa dura, R$ 140,00) traz 25 momentos da vida do artista retratados de um grande time de talentos brasileiros: Gustavo Duarte, Samanta Flôor, Herbert Berbert, Fábio Coala, Gustavo Borges, Lu Cafaggi, Vencys Lao, Sandro Hojo, Thobias Daneluz, Danilo Beyruth, Cris Peter, Laudo Ferreira, Omar Viñole, Artur Fujita, Davi Calil, Eduardo Schaal, Eduardo Damasceno, Luís Felipe Garrocho, Vitor Cafaggi, Eduardo Ferigato, Eduardo Medeiros, Spacca, Julio Brilha, Guilherme Petreca, Flávio Luiz, Adriana Melo, Magno Costa, Marcelo Costa, Erica Awano, Shiko e Alex Shibao.
Aproveitando a novidade, serão promovidas duas sessões de autógrafos com Mauricio:
Sábado, 27 de agosto, e domingo, 4 de setembro, ambas às 15h. Quem adquirir a edição, que terá 25% de desconto no estande da Panini, receberá uma senha para participar. As vagas são limitadas.
Clique aqui e veja um preview de Memórias do Mauricio, cujo lançamento aconteceria em 2015 e foi adiado para este ano.
Outro lançamento é mais uma edição do projeto Graphics MSPMônica – Força, já noticiada aqui noUniverso HQ. Escrita e desenhada por Bianca Pinheiro, a primeira trama solo de Mônica no selo mostra um lado mais vulnerável e sensível da personagem. No maior desafio da sua vida, desta vez Mônica não poderá contar com sua conhecida força para resolver os problemas. A história tem as participações especiais de Cebolinha, Cascão, Magali e Denise.
Panini lança a edição em duas versões: capa dura (R$ 34,00) e capa cartonada (R$23,00), ambas com formato 19 x 27,5 cm e 80 páginas. A graphic novel também terá 25% de desconto no estande da Panini.
Além da sessão de autógrafos, os personagens Mônica e Cebolinha estarão no estande para interação e fotos. Fonte: UHQ. EMT - Divulgação

Catarse - Esquadrão Amazônia - Joe Bennett e Alan Yango


Os quadrinhistas paraenses Joe Bennett e Alan Yango abriram um projeto de financiamento coletivo na internet para publicar uma história em quadrinhos de super-heróis com personagens inspirados no folclore regional, o Esquadrão Amazônia.
Orçada em R$ 16 mil, a revista terá 40 páginas coloridas, trazendo a primeira parte de uma aventura da equipe comandada pelo índio Açu contra invasores alienígenas. Segundo os autores, a ideia é que este arco de história seja concluído com a publicação de uma segunda revista também financiada pelos internautas e, caso a iniciativa tenha boa aceitação, o esquadrão passe a ter uma série regular.
“A presente campanha é para a 1ª edição da revista, cujo arco fecharemos em uma segunda campanha. A história está fantástica e com certeza vai prender o leitor. Pretendemos mostrar que podemos sim fazer quadrinhos de heróis no Brasil. Outros arcos já estão nos planos, mas como não podemos colocar o carro na frente dos bois, o foco é trabalhar ferrenhamente para que este projeto dê certo”, disse Alan Yango, que assina os roteiros.
“Nesta primeira graphic novel não existe uma vilão propriamente dito. Não no nível clássico da coisa, como o Lex Luthor ou o Doutor Destino…a situação é mais de um perigo que vem do espaço”, disse o desenhista Joe Bennet. “Mas futuramente o grande vilão vai se apresentar, e não é nenhum super ser. Será um homem comum, com muito poder nas mãos”, destaca.
Renascimento
As primeiras histórias dos personagens do Esquadrão Amazônia foram publicadas nos anos 2000, como parte de uma campanha publicitária.  “Eu criei este projeto há 16 anos como uma peça publicitaria para uma agencia aqui de Belém que atendia uma companhia de telefonia móvel. Eles me pediram uma cartilha simples  que ensinasse a usar o aparelho. Nem conseguimos imaginar isso hoje em dia, não saber usar um aparelho celular… mas eram tempos antigos”, relembra Bennett. Fonte: https://zinebrasil.wordpress.com. EMT - Divulgação

quinta-feira, 25 de agosto de 2016

Lançamento - Tiras Livres - Paulo Ramos - Marca de Fantasia


Há alguns anos, em sua trajetória acadêmica como professor e pesquisador, Paulo Ramos vem se dedicando a investigar os quadrinhos com um olhar perspicaz sobre sua linguagem e transformações. Um de seus temas prediletos é o formato tira, expressão dos quadrinhos que vai muito além de uma circunstância espacial para constituir-se em novos gêneros.
Na apresentação desta obra o autor afirma que há uma mudança significativa nas tiras brasileiras: “Parte delas deixou de lado a herança do humor e passou a tatear outras temáticas. Visualmente, elas começaram a apresentar experimentações gráficas. Era algo novo, diferente, que ganhou força e repercussão a partir de meados da primeira década deste século.”
A esse fenômeno, que tem na obra de Laerte sua força expressiva máxima, Paulo passou a denominar tiras livres. O estudo que ora se apresenta é o aprofundamento de suas pesquisas com esse tipo de quadrinhos, que já havia merecido enfoque em seu livro Faces do Humor – Uma Aproximação entre Piadas e Tiras, de 2011 e em várias pesquisas e comunicações em congressos nacionais e internacionais de Linguística, Literatura e Comunicação. Por Henrique Magalhães - Marca de Fantasia
Fonte: RQuadrinhos. EMT - Divulgação

Semana de promoções na Amazon Brasil com até 90% de desconto


Durante toda esta semana, a Amazon Brasil está realizando promoções de até 90% em mais de 22 mil livros impressos e digitais, incluindo quadrinhos. Além disso, 12 milhões de livros impressos importados terão desconto progressivo.
A ação é uma espécie de segunda BlackFriday, batizada de Book Friday. Por isso mesmo, o ponto alto das promoções ocorrerá na próxima sexta-feira, dia 26 de agosto.
As compras poderão ser parceladas em até seis vezes sem juros. O Kindle Paperwhite nas cores preto ou branco serão vendidos com R$ 100 de desconto e parcelamento de até 12 parcelas sem juros.
Em todos os dias da semana novas obras entrarão em promoção.
Clique aqui para acessar a página especial com a lista de produtos à venda com descontos. Fonte: UHQ. EMT - Divulgação

quarta-feira, 24 de agosto de 2016

SESI-SP Editora na Bienal do Livro de São Paulo

Autores da SESI-SP Editora estarão na Bienal do Livro de São Paulo

SESI-SP Editora criou uma divisão totalmente voltada para o segmento de HQs, com a proposta de formar uma linha de gêneros e estéticas narrativas diferentes para os públicos infanto-juvenil e juvenil, apresentando histórias de qualidade, pensadas e desenvolvidas por autores conhecidos e também por artistas em início de carreira.
São títulos como a série européia Spirou e Fantasio além de dezenas de HQs, como A vida oculta de Fernando Pessoa; Pogando; Que Deus te abandone, dentre outras – alguns desses álbuns são publicados em uma parceria com a Quanta Academia de Artes.
Confira abaixo a agenda dos quadrininistas que vão estar no estande da editora durante a Bienal Internacional do Livro de São Paulo, que acontece de 26 de agosto a 4 de setembro, autografando para os fãs.
27 de agosto - 11h: Gilmar (Guilber), Orlandeli (Daruma, O mundo de Yang, Grump) e Ruis (Sai de mim, mimimi! e A pílula da felicidade); 15h: Psonha Camacho (Pogando e Eloiza aterroriza) e Thiago OssosTortos (OssosTortos)
28 de agosto - 11h: Psonha Camacho, 19h: Gilmar, Orlandeli e Ruis
29 de agosto - 13h: Ronaldo Barata (Sobrenatural Social Clube)
30 de agosto - 19h: Eduardo Vetillo (Zoo City, Motim a bordo) também fará caricaturas ao vivo
31 de agosto - 13h: Rafael Calça e Tainan Rocha (Que Deus te abandone)
1 de setembro - 13h: Fabrício Pretti (O garoto vivo), 15h: Gilmar e Ruis
2 de setembro - 13h: Olavo Costa (Paraíba)
3 de setembro - 12h30min: Al Stefano e Marcos Araújo (Mineirão e Zé Bonfim)
4 de setembro - 13h: Marcelo Campos (Talvez isso), 17h: Eduardo Vetillo fazendo caricaturas ao vivo
Fonte: UHQ. EMT - Divulgação

Lançamento - Peryc, o Mercenário 03


Foi lançada durante a ComicConRS, a terceira edição da Revista PerycO Mercenario, do roteirista e editor Denilson Reis.
Peryc, personagem de Denílson, é um bárbaro em um mundo pós-holocausto nuclear em que não existe o menor resquício de tecnologia e a força bruta e uma espada em mãos podem ser a lei.
Nesta terceira edição temos cinco HQs escritas por Denilson, Iwfran Costa,Sandro Andrade e Gervásio Santana (RS) com desenhos de João Paulo (MG),Iwfran Costa (PA), Sandro Andrade (RS),Ícaro Maciel (RS), Adão DeLima (RS) eMozart Couto (MG).
Além das HQs a revista apresenta ilustrações de Cameron Stewart (Canadá), Carlos Henry (PB), Danilo Beyruth (SP), Dennis Oliveira (MG), Fernando Damásio (PR), Jeff Smith (EUA), Leandro Fernandez (Argentina),Lucas SB (RS), Shiko (PB), Silvio Ribeiro (RS) e Wilson Caldana (SP). A edição também traz artigos de Denilson e Gilson Cunha (RS).
Capa de Mozart Couto (MG) e 4ª capa de Sandro Andrade (RS). São 32 páginas, capa colorida e miolo p&b, formato A5, Off-set, R$ 10,00.
Interessados devem entrar em contato com o autor pelo e-mail tchedenilson@gmail.com para adquirir a edição. Fonte: ZineBrasil. EMT - Divulgação

terça-feira, 23 de agosto de 2016

E-books da Turma do Gabi só R$ 1,99 no Amazon.


Promoção dos e-books da Turma Do Gabi e Papo Amarelo por R$ 1,99 no 
Site Amazon. Adquira o seu!

One Shot Mangá BR #03 - Em Pré venda no Catarse


Está no Catarse, a terceira edição do One Shot Mangá BR uma antologia onde são apresentados novos talentos do mangá nacional. Nesse terceiro volume, são apresentados André Inácio e Alan Morais Godinho, sendo esse último não tão desconhecido assim do público que segue o mangá nacional na internet, uma vez que ele foi até a final do último SMA, concurso internacional de mangás organizado lá no Japão.
Segundo informações do projeto, a One Shot Mangá BR #3 contará com duas one-shots: Genoma, de André Inácio e Lovel, de Alan Morais Godinho.
Em Lovel, você vai se divertir e se emocionar com o primeiro encontro entre Mikan Izumi, uma jovem estudante solteira em pleno dia dos namorados e Alexus, um anjo da guarda.
Em Genoma, você vai conhecer Adriel, Jhonny e Luana,três jovens que descobrem possuir poderes especiais e que estão sendo seguidos por alguém que pode saber sobre o passado de todos eles.
A One Shot Mangá BR #3, assim como suas edições anteriores, terá 60 páginas, sendo a capa colorida em papel triplex 240g com laminação fosca e o miolo preto e branco em offset 75g.
Para apoiar basta clicar aqui e visitar o catarse para conhecer as opções para os apoiadores. Fonte:  Michelle Ramos . EMT - Divulgação

Prêmio Conexão Circulação Artes Visuais Funarte

Divulgação

A Fundação Nacional de Artes (Funarte) abriu no dia 2 de Agosto as inscrições para o edital do Prêmio Funarte Conexão Circulação Artes Visuais. Serão selecionados dez projetos de exposições de pequeno porte a serem realizados nos espaços da Funarte em Brasília, São Paulo e Minas Gerais, e que também deverão circular por outros estados brasileiros. As premiações variam de R$ 180 mil a R$ 250 mil e as inscrições estarão abertas até 15 de setembro.

Serão selecionados três projetos para a Galeria Fayga Ostrower, em Brasília, três para as galerias de arte Flávio de Carvalho ou Mário Schemberg, em São Paulo, e quatro para a Funarte Minas. Entre as exigências do edital está a obrigatoriedade de o contemplado fazer a itinerância em pelo menos mais um estado após o período de exposição nos espaços Funarte.

No primeiro módulo (Brasília), entre os estados que poderão ser escolhidos pelo proponente para a itinerância estão Acre, Amazonas, Tocantins, Roraima, Rondônia, Amapá e Espírito Santo; no segundo (SP), Maranhão, Piauí, Ceará, Sergipe, Alagoas, Paraíba e Rio Grande do Norte; e no terceiro (MG), Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Santa Catarina.

O objetivo desta exigência é equilibrar a distribuição de recursos nos estados da Federação que apresentam menor número de inscrições nos editais voltados para as artes visuais na Funarte. Ao promover o intercâmbio com outros estados, a Funarte e o Ministério da Cultura pretendem estimular a multiplicidade e a diversidade de linguagens e tendências da arte contemporânea brasileira.
Podem se inscrever pessoas físicas e jurídicas de natureza cultural, com ou sem fins lucrativos, atuantes na área das Artes Visuais.

Os projetos deverão considerar o fomento, a promoção e a difusão da produção artística e a reflexão e o intercâmbio de ideias no campo das artes visuais, contribuindo, como resultado esperado, para a formação de público e a construção da história da arte mais recente no País.

Com recursos do Ministério da Cultura e do Fundo Nacional de Cultura (FNC), o Prêmio Funarte Conexão Circulação Artes Visuais conta com investimento total de R$ 2.115.000.
Informações: premioccav@funarte.gov.br - Fundação Nacional de Artes (Funarte)

Ministério da Cultura. Fonte: PáginaCultural. EMT - Divulgação

segunda-feira, 22 de agosto de 2016

Lançamento - Talvez Isso - Marcelo Campos - Quanta Academia de Artes


Marcelo Campos foi um dos primeiros quadrinhistas brasileiros a desenhar os super-heróis de grandes editoras como Marvel e DC Comics, em meados da década de 1980.
Mas ele também fez sua jornada por um universo mais filosófico e introspectivo nas tiras da série Talvez Isso, que chegou a ser lançada em um álbum (formato 10 x 21, 144 páginas) da editora Casa 21, em 2007. Estão ali somadas as experiências marcantes vividas pelo próprio autor em determinadas fases de sua vida.
Agora, o material ganha uma republicação pela editora SESI-SP, num novo formato (21 x 29,5 cm, 92 páginas, R$ 32,00). Fonte: UHQ. EMT - Divulgação

Lançamento - Um Mundo Preto e Branco Nº1


Já esta a venda no Mercado livre, a primeira edição “Um Mundo Preto e Branco“, mini série em três edições, do Lincoln Nery, autor do personagem Jou Ventania.
Confira a sinopse da obra: “Quando nós somos crianças, o mundo é simples. O bem é o bem, o mal é o mal, o amor é o amor. Preto e branco.
Jucal é como você foi um dia, um garoto esperto e cheio de sonhos se divertindo com seus amigos os últimos dias de sua infância no subúbio da cidade, crescendo e conhecendo seus primeiros amores“, apresenta o release.

A edição é uma publicação da Brasil Comics, e traz capa colorida – Miolo preto e branco – Formato – 15,0 x 21,0 – com 28 páginas. Clique aqui para seguir o link e adquirir sua edição por R$: 15,00, já com a taxa de entrega Incluída. Fonte: ZineBrasil. EMT - Divulgação

sexta-feira, 19 de agosto de 2016

Debate na Gibiteca de Santos discute Charlie Hebdo e os limites do humor


As charges e caricaturas incomodam e geram amor e ódio. O debate Liberdade de expressão e os limites do humor reúne os pesquisadores Dani Marino e Gazy Andraus e o cartunista Oswaldo Da Costa para um bate papo e reflexões sobre a forma e repercussão do desenho de humor na sociedade.
Para a idealizadora do evento, Dani Marino, “a proposta é apresentar alguns pontos de vista sobre a liberdade de expressão no mundo dos quadrinhos e do desenho de humor, tudo a partir do atentado terrorista ao Charlie Hebdo”. O objetivo do debate ainda passa pelo estudo acadêmico do assunto, já que os participantes responderão um pequeno questionário, “precisamos identificar se após a exposição dos pontos de vista dos debatedores a opinião do leitor pode mudar ou não”, completa, Marino.
O evento acontece no dia 20 de agosto, a partir das 17 horas, na Gibiteca Marcel Rodrigues Paes(Posto 5), em Santos/SP, com entrada gratuita. Fonte: UHQ. EMT - Divulgação  

quinta-feira, 18 de agosto de 2016

24º Salão de Artes Plásticas de Mococa (SP)


A 24ª edição do Salão de Artes Plásticas de Mococa recebe inscrições entre 05/08/16 a 16/09/16, nas modalidades de pintura, gravura, desenho, fotografia e escultura. Cada artista pode se inscrever em até duas modalidades. A exposição dos selecionados ocorre entre de 14/10/16 a 20/11/16. Será cobrada uma taxa de inscrição no valor de R$ 50,00 por modalidade inscrita. Confira o edital:
O Salão de Artes Plásticas de Mococa, criado pelo Decreto nº 1352, no dia 26/07/84, em sua XXIV edição acontecerá de 14/10/2016 a 20/11/2016.
Organizado pelo Departamento de Cultura e Turismo o Salão será sediado na Casa de Cultura Rogério Cardoso situada na Rua Muniz Barreto, 54, Centro.
O Salão contemplará as seguintes modalidades: pintura, gravura, desenho, fotografia e escultura.
Cada artista poderá se inscrever em até 02 (duas) modalidades.
Será cobrada uma taxa de inscrição no valor de R$ 50,00 por modalidade inscrita.
A mesma não será devolvida caso o participante não seja selecionado.
As despesas com frete, transporte e seguro das obras ocorrerão por conta do participante. A Casa de Cultura, local onde será realizado o Salão, não manterá seguro para as obras durante o período de exposição.
O envio e a retirada das obras selecionadas (pessoalmente ou via transportadora)   serão de responsabilidade dos artistas participantes que deverão respeitar as datas de envio acima estipuladas.
As obras não retiradas serão incorporadas ao acervo do Museu de Artes Plásticas Quirino da Silva a partir do dia 01/12/2016.
Uma Comissão formada por profissionais renomados da área, convidados pelo Departamento de Cultura e Turismo especialmente para o evento, fará a seleção e premiação das obras.
Para cada modalidade será entregue a medalha BRUNO GIORGI considerando o 1º lugar (medalha de ouro), 2º lugar (medalha de prata) e 3º lugar (medalha de   bronze). Não há obrigatoriedade de medalhas para todas as modalidades.
Além das medalhas haverá três prêmios AQUISIÇÃO, no valor total de R$ 3.000,00 (três mil reais), sendo 1º Lugar R$ 1.200,00, 2º.Lugar R$ 1.000,00 e 3º.Lugar R$ 800,00, pagos até a data de encerramento do XXIV Salão de Artes Plásticas de Mococa.
RESULTADO
O resultado será divulgado no dia 19/09/2016. Os artistas selecionados serão contatados por telefone e a lista será disponibilizada no site da Prefeitura Municipal de Mococa (http://portal.mococa.sp.gov.br/principal/)
Mais informações:
Departamento de Cultura e Turismo de Mococa (SP)
Casa da Cultura Rogério Cardoso
Rua Muniz Barreto, 54, Centro, tel. (19) 3656-9030 ou (19) 3665-8044.

Dança - Cia Jovem Bolshoi Brasil Abre o 7º Prêmio Desterro - SC.

“Valsa Moszkowski”. Vanderleia Macalossi/Divulgação

Espetáculo com uma hora de duração reúne coreografias de diferentes gêneros de dança

A Cia. Jovem da Escola do Teatro Bolshoi no Brasil abrirá o Prêmio Desterro – 7° Festival de Dança de Florianópolis neste dia 30, às 20h30, no Teatro Ademir Rosa, no Centro Integrado de Cultura (CIC). Pela primeira vez participando do evento, a atração convidada exibirá o espetáculo “Gala Bolshoi”, composto por trechos de famosos balés de repertório, obras contemporâneas e dança a caráter.
A apresentação de 60 minutos é dividida em duas partes. Na primeira, “Melodia de Gluck” (da ópera “Orfeu e Eurídice”), de Assaf Messerer; variação feminina “Esmeralda” (pas de deux do 3° ato do balé “A Esmeralda”), de Agrippina Vaganova; adágio do balé “O Quebra-Nozes”
(2° ato), de Vasily Vainonen; variação feminina do balé “Carmen”, de Alberto Alonso; “Valsa Moszkowski”, de Vasily Vainonen; “Três Atos por Acaso”, de Lucas Axel; “The Other”, de Edward Nunes; “Óbice”, de Edward Nunes; “Trio Ariana”, de Cassi Abranches; “Gopak”, de Rostislav Zakharov; e “Águas Primaveris”, de Assaf Messerer.
Após o intervalo, o elenco leva ao palco “Jurei pro Amor um Dia te Encontrar”, trabalho contemporâneo do coreógrafo mineiro Jomar Mesquita que retrata as mudanças inesperadas nas vidas das pessoas. Com músicas de consagrados compositores brasileiros, como Baden Powell, Cartola, Milton Casquinha, Otto e Vinicius de Moraes, os bailarinos desafiam a formação clássica ao se desvencilharem das características do balé, dando mais fluidez aos movimentos. Indicado a todas as idades, “Gala Bolshoi” foi concebido em 2008 para mostrar ao público uma seleção diversificada de coreografias de seu repertório, trazendo sempre um programa distinto em cada apresentação. Com ele, o resultado das atividades diárias desenvolvidas na única extensão estrangeira do Teatro Bolshoi de Moscou já foi aplaudido pelo Brasil, Itália, Paraguai, Suíça e Uruguai.
As entradas estão à venda até o dia 29 pelo valor único promocional de R$ 30 para plateia superior e R$ 40 para a plateia inferior. No dia da apresentação, custarão R$ 40 e R$ 20 (meia) para a plateia superior, R$ 60 e R$ 30 (meia) para a plateia inferior. As poltronas são numeradas e os ingressos podem ser adquiridos nas bilheterias dos teatros Álvaro de Carvalho, Ademir Rosa e Governador Pedro Ivo, como também na loja da Blueticket (Beiramar Shopping) e pelo site www.blueticket.com.br, onde sócios do Clube Blueticket pagam valor diferenciado.
Ficha técnica - *Espetáculo: “Gala Bolshoi”
*Coreografias: Agrippina Vaganova, Alberto Alonso, Assaf Messerer, Cassi Abranches, Edward Nunes, Jomar Mesquita, Lucas Axel, Rostislav Zakharov, Vasily Vainonen
*Ensaiadora: Maria Antonieta Spadari
*Elenco: Carol Pitta, Carolina Zaborne, Cassiano Rodrigues, Gabriel Bellucci, Giovanna Grossi, Kamila Abreu, Leticia Olegário, Maitê Nunes, Marcos Vinícius dos Anjos, Marley Lucena, Mayara Viçoso, Pedro Frizon, Safira Sacramento, Sayron Pereira, Thais Diogenes, Wagner Carvalho
*Músicas: Baden Powell, Cartola, Cesare Pugni, Christoph Gluck, Marino
Pinto, Mario Rossi, Milton Casquinha, Moritz Moszkowski, Olivier Teneur, Otto, Pavel Kazarian, Piotr Tchaikovsky, René Aubry, Rodion Shchedrin, Sergei Rachmaninov, Sérgio Bittencourt, Vasily Soloviev- Sedoi, Vinicius de Moraes
*Duração: 60 minutos *Recomendação etária: livre
*Realização: Cia. Jovem da Escola do Teatro Bolshoi no Brasil Vídeo
Assista ao clipe com momentos do espetáculo “Gala Bolshoi” no Youtube:
www.youtube.com/watch?v=sXPnt9gBN4k 
Prêmio Desterro online:
Informações:  Site: www.premiodesterro.com.br
Facebook: facebook.com/festivaldedanca
Twitter: @premiodesterro

quarta-feira, 17 de agosto de 2016

Haole é o segundo título do selo Pagu Comics


Haole é o segundo título do selo Pagu Comics, uma parceria entre o site de streaming Social Comics e a Editora Cândido.
A saga, ambientada em Natal, no Rio Grande do Norte, conta a história de Irene, uma jovem surfista negra que perdeu parte de uma das pernas num ataque de tubarão.
Escrita por Milena Azevedo, com desenhos de Sueli Mendes e Chairim Arrais, arte-final de Blenda Furtado e Chairim Arrais e cores de Wayne Ribeiro, a HQ traz à tona a questão do deficiente físico, com uma protagonista que sofre com fantasmas de seu passado e que passará por uma experiência extraordinária ao ser transportada para um mundo paralelo.
A novidade do quadrinho é que, por ter um linguajar próprio dos potiguares, além de diversas gírias do mundo do surfe (o próprio título significa, entre os surfistas, alguém que pega onda numa praia fora da sua), logo na primeira página há um glossário dos termos presentes na obra. A coordenação editorial é da roteirista Ana Recal de (Beladona).
O selo Pagu Comics foi criado com o intuito de fomentar a produção feminina. O nome é uma homenagem à poeta Patrícia Galvão, a Pagu, que, além de ser uma importante personagem na luta das mulheres, também era cartunista. Fonte: HQM. EMT - Divulgação

terça-feira, 16 de agosto de 2016

Lançamento - Front 15 anos - Via Lettera


Entre 2001 e 2007, a editora Via Lettera publicou 13 edições de Front, uma antologia brasileira de HQs autorais. Começando pelo número 7, a coleção chegou ao final da edição # 19.
Diversos quadrinhistas brasileiros produziram histórias para a coleção; e alguns tiveram no título suas primeiras publicações na carreira.
Hoje, pode-se dizer que a Front marcou um retrato da produção de quadrinhos no Brasil na época, inédito por sua forma de colaboração coletiva e por suas temáticas.
Par comemorar os 15 anos de Front, a Via Lettera lança, em parceria com o Instituto HQ, uma edição comemorativa, reapresentando trabalhos de Caco Galhardo, Caco Xavier, Cau Gomez, Custódio,  Kipper, Samuel Casal, Maxx, Orlandeli, Jinni Anne Pak, Maria Eugênia, Marcelo D’Salete, André Kitagawa, Theo Szczepanski, Guazzelli, Gilberto Maringoni, Pepe Casals, Marcelo de Andrade e Spacca. Todas as histórias já haviam sido publicadas antes.
O especiaconta ainda a trajetória dessa aventura coletiva de quadrinhos.
Front 15 anos – Uma História tem formato 17 X 26 cm, 160 páginas e custa R$ 42,00. Fonte: UHQ. EMT - Divulgação

segunda-feira, 15 de agosto de 2016

Premiados - Melhores de 2015 – 28º Troféu HQMIX

Super Mãe - Ziraldo
A cerimônia do “Oscar” dos quadrinhos brasileiros acontecerá no dia 3 de setembro, às 19 horas, no teatro do Sesc Pompeia
Evento contará com a apresentação do jornalista Serginho Groisman, intervenções do Quarteto do Programa do Jô e MZK na discotecagem
São Paulo, 15 de agosto de 2016 - Artistas e publicações que se destacaram em 2015 serão premiados durante a 28ª edição do Troféu HQMIX – evento considerado o “Oscar” dos quadrinhos brasileiros. A entrega dos prêmios será realizada no dia 3 de setembro (sábado), a partir das 19 horas, no teatro do Sesc Pompeia. Será uma festa destinada aos apreciadores da arte, que contarão, durante o evento, com a apresentação do jornalista Serginho Groisman, intervenções do Quarteto do Programa do Jô e a performance do DJ MZK na discotecagem.
Os ganhadores do prêmio foram escolhidos entre os mais de 2.000 lançamentos da área dos quadrinhos, em 2015, votados por desenhistas, professores, pesquisadores e jornalistas brasileiros, por meio da Associação dos Cartunistas do Brasil (ACB) e do Instituto Memorial de Artes Gráficas do Brasil (IMAG).
A cada ano, a estatueta do troféu é modificada, para homenagear um grande personagem dos quadrinhos e do Humor Gráfico brasileiro. Neste ano, o artista plástico Olintho Tahara esculpiu a personagem Super-Mãe, de Ziraldo.
Na entrega do troféu, Alice Takeda será homenageada como diretora de arte de um estúdio de quadrinhos - a profissional trabalha há mais de 40 anos no Estúdio Mauricio de Sousa, em que comanda mais de 100 desenhistas e roteiristas para a produção de cerca de uma revista por dia.
Também será homenageada, como Grande Mestre dos Quadrinhos, a desenhista Eva Furnari (veja biografia resumida abaixo).
Como Grande Contribuição para a imagem dos quadrinhos no Brasil, o cartunista MAXX e seu grupo “Super-Heróis da Alegria”, que visitam hospitais vestidos de super-heróis para alegrar, principalmente, as crianças doentes, terá seu reconhecimento com o troféu. MAXX perdeu uma perna e a mobilidade de sua mão direita em um acidente de moto, e saiu da depressão com esse projeto.
A Comissão Organizadora do 28º Troféu HQMIX é composta pelos profissionais Gualberto Costa e JAL (presidentes), Benedito Nicolau, Cristina Merlo, Daniela Baptista, Edson Diogo, Nobu Chinen, Silvio Alexandre, Sonia M. Bibe Luyten, Waldomiro Vergueiro e Will.
Categoria Teses Acadêmicas
O Troféu HQMIX foi o primeiro no mundo a premiar teses acadêmicas — TCCs, trabalhos de Mestrado e teses de Doutorado — provenientes de diferentes universidades; a maioria de universidades federais de vários estados brasileiros. Mais uma vez, esses trabalhos caracterizaram-se pelo alto nível de pesquisa. A comissão tem um critério de avaliação que se resume nos seguintes itens: Ineditismo do Tema, Estrutura do Trabalho, Metodologia, Contribuição para a Área, Redação e Apresentação Visual (diagramação, iconografia etc.). Os temas vencedores refletem atualidade e ousadia e contribuem para o enriquecimento da bibliografia brasileira de Histórias em Quadrinhos e Humor Gráfico. Essa categoria terá divulgação dos vencedores no dia 03 de setembro.
Os trabalhos são analisados pela seguinte comissão: Profa. Dra. Sonia M. Bibe Luyten (presidente da comissão), Prof. Dr. Waldomiro Vergueiro, Profa. Dra. Andrea Nogueira, Prof. Dr. Nobu Chinen e Mestre Maria Cristina Merlo.
Sobre Eva Furnari 
Escritora e ilustradora desde 1980, Eva Furnari tem 60 livros publicados. Nasceu em Roma, Itália, em 1948, e veio para o Brasil aos dois anos de idade. Formou-se em Arquitetura, foi professora de artes, trabalhou como desenhista em revistas e publicou histórias da Bruxinha na Folhinha de São Paulo por muitos anos. Tem livros adaptados para o teatro e publicados em diversos países. Muito premiada em sua carreira, com destaque para sete Prêmios Jabuti, pela Câmara Brasileira do Livro (CBL), e oito premiações pela FNLIJ. Também recebeu o Prêmio APCA pelo conjunto da obra.
Sobre o Troféu HQMIX
O Troféu HQMIX foi criado em 1988, pela dupla JAL e Gualberto Costa, no programa TV MIX, da TV Gazeta. O prêmio logo foi apadrinhado pelo então apresentador do programa, Serginho Groisman. A votação nacional é feita pela categoria dos desenhistas de HQs e Humor Gráfico, por meio da Associação dos Cartunistas do Brasil (ACB) e do Instituto Memorial das Artes Gráficas do Brasil (IMAG).

LISTA DE PREMIADOS
Desenhista Nacional: Rogério Coelho (Graphic MSP Louco – Fuga e O Barco dos Sonhos) - Panini e Positivo
Roteirista Nacional: Lillo Parra (Descobrindo o Novo Mundo e La Dansarina) – Nemo e Quadro a Quadro
Novo Talento Desenhista: Camila Torrano (Fábulas e Spam) - Zarabatana
Novo Talento Roteirista: Zé Wellington (Steampunk Ladies – Vingança a Vapor) - Draco
Colorista/Arte-Finalista: Cris Peter (Casanova - Avaritia VOL 3, Pétalas e Projeto Manhattan – Volume 1) - Panini, Marsupial/Jupati e Devir Publicação
Infantil: Chico Bento 2ª Série - # 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8 - Panini
Publicação Juvenil: Graphic MSP Turma da Mônica - Lições - Panini
Publicação de Clássico: Zodiako Premium - Opera Graphica
Publicação de Humor: Guia Culinário do Falido em Quadrinhos - Balão
Publicação de Humor Gráfico: Ah, como era boa a Ditadura... - Quadrinhos na Cia
Publicação Mix: O Rei Amarelo em quadrinhos - Draco
Publicação de Aventura, Terror e Fantasia: Lavagem - Mino
Edição Especial Nacional: La Dansarina - Quadro a Quadro
Edição Especial Estrangeira: Pílulas azuis - Nemo
Minissérie (empate): Ditadura no Ar #4 - Independente  - Pátria Armada # 1, 2 - Instituto HQ
Publicação Independente de Autor: Beco do Rosário Vol 1 - Independente
Publicação Independente Edição Única: Uma Aventura de Verne & Mauá – Mil Léguas Transamazônicas - Independente
Publicação Independente de Grupo: O Gralha – Artbook - Independente
Publicação Erótica: Caravaggio – A Morte da Virgem - Veneta
Especial Manga: Quack – Patadas Voadoras - Draco
Livro Teórico: Imageria – O nascimento das histórias em quadrinhos por Rogério de Campos - Veneta
Publicação de Tiras: Will Tirando N° 1 - Independente
Projeto Editorial: O Fabuloso Quadrinho Brasileiro de 2015 - Independente
Evento: 2º Comic Con Experience - 2015 - São Paulo
Exposição : Exposição Beco do Rosário - Galeria Hipotética - Porto Alegre/RS
Adaptação para outra Linguagem: Beladona, de Ana Recalde e Denis Mello - Projeto Cena HQ (Teatro) - Quadrinhofilia e Vigor Mortis
Adaptação para os Quadrinhos: Dois Irmãos - Quadrinhos na Cia
Destaque Internacional: Marcello Quintanilha (Tungstênio e Talco de vidro) - Editora Polvo
Editora do Ano: MINO
Grande Mestre dos Quadrinhos: Eva Furnari
Grande Contribuição: Maxx e os Super-Heróis da Alegria
Grande Homenagem: Alice Takeda – diretora de arte dos Estúdios Mauricio de Sousa

SERVIÇO: Entrega do 28º Troféu HQMIX
Data: 3 de setembro de 2016 - Horário: 19 horas - Local: Teatro do Sesc Pompeia
Endereço: Rua Clélia 93 – São Paulo - SP - Evento gratuito: Retirada de ingressos no dia do evento, na bilheteria do Sesc Pompeia